domingo, 21 de outubro de 2012

O livro Tanta Gente, Mariana, escrito por Maria Judite de Carvalho, é constituído por oito contos.Os que já li falam sobre a solidão das pessoas e o silêncio delas.
O que me fez gostar deste livro foi o facto de hoje em dia muitas pessoas sentirem a solidão, o que é muito triste, apesar de estarem rodeados de amigos e de família. É o que acontece no conto "Tanta Gente, Mariana" onde a personagem Mariana passa na solidão uma fase difícil da sua vida.

8 comentários:

  1. Parece ser um livro interessante.
    Não conheço a escritora mas pelo que li parece-me que ela procura "comunicar" com o leitor de uma forma mais sentimental.
    Continuação de boa leitura :)

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a Matilde, o livro parece ser interessante.
    Gosto do sentimento que tenta passar aos leitores, apesar de ser de rápida leitura.

    ResponderEliminar
  3. É triste enfrentar situações difíceis sem a ajuda de um obro amigo, alguém para desabafar. Tantos são os que julgam ter imensos amigos e na hora da verdade não pode contar com nenhum!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a realidade e a pertinência dessa resposta é eminente. Pois, tem-se notado que as pessoas servem-se mais dos amigos para mera companhia e vangloram-se de terem muitas amizades. Muitas das quais usadas para mera sobrevivência, um bom exemplo da conduta animal do Homem.

      Eliminar
  4. Comungo desta opinião amigo, acho que nos podemos considerar assim :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, porque opiniões não são factos, quando se trata de sentimentos e emoções. Aliás, pode-se dizer que opiniões nunca são factos. Não obstante, qualquer consciência moral e culta reconhece algo correto como a verdadeira amizade.

      Eliminar